Albumina

Albumina – O que é ? Como tomar? Benefícios

A satisfação pessoal deveria ser um princípio que comanda a vida de todas as pessoas. Você precisa estar contente consigo mesmo, e não viver em prol de agradar as outras pessoas. Diante desse contexto, sinta-se à vontade para buscar um corpo perfeito dentro de suas concepções independente de quem tentar te convencer do contrário.

Cuidado com a saúde nunca é demais. Essa é uma tendência que vem crescendo nos últimos anos e quem mais se beneficiou disso foram as academias e os profissionais da área. Os locais de se praticar musculação viraram praticamente a segunda casa das maiorias das pessoas, que estão sempre em busca por alternativas para melhorar seu rendimento e seguir na busca por um corpo definido.

Nessa busca por uma vida e um corpo saudável, você já deve saber muito bem que é necessário uma série de cuidados em diferentes segmentos para que tudo prospere junto de forma harmônica. Não é apenas sobre praticar esportes, sobre exercícios físicos intensos ou uma alimentação balanceada, mas sim sobre tudo isso junto, de forma equilibrada, sem grandes sacrifícios e exageros. Obviamente, principalmente quando olhamos para a parte alimentar, algumas das comidas de sua preferência podem não ter vez no cardápio ideal, mas isso é apenas mais um obstáculo que você precisa superar com foco e dedicação, mirando em resultados que vão te deixar extremamente satisfeito ao final.

Nesse cenário de crescimento pleno, a indústria dessa segmentação não decepcionou e foi se adaptando à demanda, pois o público foi ficando cada vez mais exigente e buscando maneiras de inflar ainda mais sua capacidade de ter grandes níveis de energia, influenciando diretamente na performance. Assim, os suplementos ganharam grande peso e também acompanham praticamente o cotidiano daqueles mais dedicados nessa vida de malhação. Seja de simples suplementações alimentares com substâncias básicas para nosso organismo, como por exemplo, aminoácidos, até a ingestão de proteínas que vão influenciar em processos que acontecem no seu corpo. Um desses suplementos é a albumina, que vamos conhecer tudo sobre ela a partir de agora.

O que é albumina?


Essa albumina é a proteína encontrada de forma mais abundante no sangue humano, sendo cerca de 50% ou até 60% de toda a proteína encontrada no sangue. É uma substância feita pelo fígado, que vai circulando em seu sangue por todo o corpo – talvez, uma pequena quantidade consegue pelos rins e sair pela sua urina.
A albumina é uma proteína do sangue com a função de te fornecer vitaminas, minerais e medicamentos por todo o seu corpo. Além disso, pode ser uma importante pista importante sobre sua saúde, falando de forma geral, que pode levar à prevenção de diversas condições indesejadas. Originalmente, as albuminas compreendem a uma família de proteínas que compartilham estruturas parecidas a globos e que são achadas nos animais. No entanto, o que estamos priorizando aqui é a albumina encontrada no sangue humano.

Como dito, a albumina compõe grande parte do plasma sanguíneo, sendo assim fundamental para o pleno funcionamento do organismo, pois atua em várias funções que vão assegurar o correto funcionamento de seu corpo. Como ela percorre toda a sua corrente sanguínea, uma das grandes funções da albumina é transportar substâncias. Para isso, ela se liga a compostos hidrofóbicos, que são os compostos que não fazem, facilmente, ligação com água.  Outro ponto em que a albumina aparece como transportadora é na hora de carregar moléculas para dentro ou fora dos tecidos. Além disso, ela é importante também para assegurar o equilíbrio de água entre os tecidos em conjunto com o sangue.

A albumina também aparece nos processes de coagulação sanguínea. Ou seja, a partir do momento que você possui baixos índices dessa proteína, algumas situações indesejadas podem acontecer, relacionados a hemorragias, além de possibilitar uma pior cicatrização de lesões. Nas mulheres, o ciclo menstrual pode acabar aparecendo em um volume maior.

Sabe aquele seu amigo, ou talvez você mesmo, que come muito ovo em busca de nutrientes que vão te deixar mais forte? Então, a albumina derivada da clara do ovo é uma forma de suplemento que serve como alternativa na melhora de atividades que precisam dessa substância nas quantidades corretas, pois a soroalbumina (a albumina que é produzida pelo nosso corpo) tem grande importância no seu metabolismo.

Para que serve a albumina?

O bombeamento do seu coração, chamado de pressão hidrostática, realiza uma pressão dentro dos vasos sanguíneos, que cria uma força com a finalidade de empurrar fluidos das veias e artérias para o tecido circundante. A albumina evita isso, porque mantém a pressão osmótica que puxa água para seu sistema circulatório. Ou seja, os fluidos são atraídos graças à osmose.

Como dito, uma das grandes funções da albumina é transportar substâncias por todo o corpo, e isso se dá por sua capacidade de se ligar com vitaminas, ácidos graxos, minerais, hormônios, entregando tudo isso aos tecidos do nosso corpo. É uma proteína que apresenta versatilidade nessa hora de apresentar locais onde as outras substâncias possam se ligar com ela. Além disso, funciona também se ligando com metais e proporcionando reações contra radicais livres, impedindo a ação deles em outras partes do corpo, já que a albumina é o grande antioxidante presente no sangue.

A albumina não é apenas a clara do ovo desidratada. Em sua composição, apresenta também vitaminas e ferro, e é a partir disso que podemos começar a explorar suas vantagens para quem pratica atividades físicas e está interessado em incrementar seu treinamento com os suplementos de albumina.

Quando lembramos da sua função de transportar substâncias pelo corpo, tem um nível considerável de albumina no organismo significa que seus aminoácidos estarão sendo transportados da maneira correta para seus tecidos, proporcionando nutrientes em seus músculos e tendões.

A albumina está presente em uma série de funções do metabolismo. Uma função de destaque nesse quesito é que, ao se ligar com metais tóxicos e pesados, acontece uma redução dos riscos de saúdes que essas substâncias poderiam oferecer e ainda facilita que elas sejam eliminadas pelo seu sistema excretor. Conhecendo o que é e as funcionalidades de albumina, hora de abordar as consequências que todas essas capacidades dessa proteína terão sobre seu desempenho nas atividades físicas.

Benefícios da albumina

Suplementação de albumina por pessoas que praticam atividades físicas promovem diversos benefícios. Acima, entre as funcionalidades, já apresentamos alguns deles ao falar de como essa proteína ajuda a regular o organismo como um todo fazendo o transporte de substâncias, além de ser uma fonte de aminoácidos por si só. Além disso, existem outras qualidades que podem ser notadas mais diretamente por você nos treinos específicos realizadas diariamente.

Reparação muscular e repõe proteínas

Uma pesquisa foi realizada com idosos, onde os cientistas relacionaram níveis insatisfatórios (baixos) de albumina com força muscular abaixo do esperado. A partir desse estudo, foi definido qual era o principal objetivo que seria aproveitado pelo consumo de suplementos de albumina, pois a conclusão de tudo isso foi que essa proteína que estamos abordando aqui aumenta a capacidade e também a funcionalidade de seus músculos.  A albumina acaba atuando na diminuição do catabolismo. Tendo bom valor biológico, ela repõe perdas musculares que são consequência do alto nível de esforço que é realizado nos treinos. Além disso, proporciona ganho de massa muscular graças a sua disponibilidade biológica plasmática.

Aumenta a massa muscular

Como mencionado anteriormente, a albumina, assim como alguns aminoácidos essenciais, proporciona que suas fibras musculares recebem algumas substâncias como zinco, ferro e magnésio, o que faz com que a regeneração dos seus tecidos seja acelerada, evitando aquele catabolismo tradicional que acontece após os treinos coma atividades físicas intensas. Aliás, existem pesquisas que traçam uma relação entre índices baixos de albumina com diminuição de força muscular.

Melhor recuperação após atividades físicas

Após seu treinamento, obviamente você se sente muito cansado. Algo normal após um período de esforço excessivo. Mas sabia que esse “fenômeno” tem um nome? Trata-se do catabolismo. Como já se faz a relação pela composição do seu nome, o catabolismo tem relação com seu metabolismo. É uma situação metabólica onde seu organismo precisa utilizar as próprias reservas de energia como reposição, para preencher as necessidades de seus tecidos, que estão todos desgastados pelo esforço realizado. Isso tudo causará uma diminuição de massa magra no seu corpo e terá influência no seu desempenho.

Esse é o nome dado para explicar os sintomas que você sente após realizar uma boa série de atividades em seus treinos. Onde entra a albumina nisso tudo? Pois bem, estudos que aplicaram placebo em um grupo de fisiculturistas e albumina em outro, constataram que o grupo que ingeriu a proteína, após uma semana, tinha menos sintomas sobre possíveis efeitos que acontecem após o treinamento, indicando a eficácia desse suplemento para essa pretensão.

Pode ajudar no emagrecimento

Quando se fala em emagrecimento, sempre deve-se tomar cuidado para não deixar se levar pela emoção e pelos exageros. Comer menos não significa exatamente uma vida mais saudável, pelo contrário, mas saber controlar seu apetite pode ter papel fundamental na busca por uns quilos a menos. A albumina, por ser uma proteína, é digerida mais lentamente que os carboidratos, o que pode te dar uma sensação de saciedade.

Rica em leucina

Como já dito anteriormente, a albumina é, por si só, uma fonte de aminoácidos. Entre eles está a leucina, um dos principais aminoácidos por ser de cadeia ramificada, um dos três que são os componentes básicos de outro suplemento muito famoso, o BCAA. A leucina ainda é a principal propulsora da síntese de proteínas e corresponde a 9% do total de aminoácidos presentes na albumina.

Como tomar albumina?

Antes de qualquer coisa, é importante lembrar que os suplementos não têm uma ação que corresponde totalmente a suas expectativas quando tomados de forma isolada. É preciso sempre, em conjunto, manter uma alimentação balanceada que promove os principais nutrientes que seu corpo precisa para continuar em evolução. Passados disto, pensando no melhor aproveitamento e no melhor horário para absorção da albumina, existem alguns horários que são mais indicados que os outros para extrair os benefícios desse suplemento.

Tomar o suplemento de albumina após o treino é uma boa opção. Não supera os efeitos e benefícios do whey protein, o mais indicado para esse horário, mas a albumina vai te ajudar na recuperação como já foi esclarecido anteriormente. A albumina é uma proteína de média para lenta absorção, o que em paralelo com seu custo mais em conta no mercado, a coloca como suplemento indicado para ser tomado antes de dormir, pois essa proteína funcionará muito bem durante esse período que você vai ficar sem se alimentar. Ao acordar também aparece como uma opção, pois seu corpo necessita de mais substâncias além de carboidratos após ficar algumas horas sem nenhuma fonte de alimentação.

Albumina preço de mercado

A albumina, pelos vários dos motivos já explicados acima, aparece como um suplemento mais em conta em relação aos mais tradicionais, por suas funções estarem mais concentradas no transporte de substâncias e não no fornecimento de energia. Desse modo, podemos encontrar o suplemento de albumina em pó em embalagens de cerca de 500 gramas, por aproximadamente 35 reais, porém existe variação desse preço entre os fabricantes e de acordo com a qualidade do produto.

A albumina não deixa de ser uma substância natural, que é produzida dentro de nosso corpo, apesar da possibilidade muito boa de ser ingerida por suplementação. Esse fator natural significa que a grande maioria das pessoas pode fazer o uso desse suplemento, na busca por mais força muscular e uma recuperação mais eficiente, mas não deixe de consultar um profissional para saber se é o que você realmente está precisando.

Além disso, a albumina aparece também como possibilidades para aqueles que são portadores de doenças crônicas, além de quem perdeu função hepática, pois nesses casos, essa proteína está em falta no seu sangue e sua suplementação pode ajudar em algumas situações, inclusive melhorando sua coagulação. Por outro lado, deve-se tomar atenção pois, assim como outros suplementos de proteína, os rins podem acabar sobrecarregados, além de efeitos indesejados no seu intestino. Gases e diarreia podem acontecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *