BCAA

BCAA: como tomar corretamente

BCAA: como tomar corretamente – Os suplementos alimentares fazem parte da rotina de centenas de milhares de pessoas em todo o Brasil e no mundo. Com o crescimento da popularidade de atividades físicas de alta intensidade, como a musculação, cada vez mais pessoas tem investido nesses produtos para ter melhores resultados na academia.

Na grande maioria das vezes, esses resultados são físicos, ou seja, os indivíduos tomam os suplementos com o objetivo de ter um físico visualmente mais agradável, dentro dos padrões de beleza da sociedade. Em outro sentido, esse tipo de prática também pode estar ligada a uma manutenção da saúde do organismo, tendo em vista que os males trazidos pelo sedentarismo são constantemente noticiados.

Dentre os suplementos alimentares, alguns, ao longo do tempo, se tornaram mais famosos do que outros. Um exemplo de suplemento famoso é o BCAA que, junto com o whey e a creatina, são os mais utilizados entre os atletas e não atletas praticantes de musculação.

O BCAA é comprovadamente benéfico para o organismo e realmente pode melhorar os resultados na academia. No entanto, para que isso se torne um fato é necessário que o indivíduo tome o suplemento da maneira correta, de forma a conseguir obter todos os seus benefícios e aproveitar de todas as suas propriedades.

O que é o BCAA? – BCAA: como tomar corretamente

O BCAA é, na verdade, uma mistura de três aminoácidos. Esse nome se deve a uma sigla em inglês, mais especificamente Branched Chain Amino Acid. Estas, por sua vez, significam aminoácidos de cadeia ramificada. Para entender melhor então o que é o BCAA, é necessário saber o que são os aminoácidos.

De forma bastante resumida, os aminoácidos são compostos orgânicos, formados por moléculas de carbono, hidrogênio, nitrogênio, dentre outros, as quais se ligam entre si. Essas ligações são chamadas de peptídicas. Quando ligados, os aminoácidos formam as proteínas!

Os aminoácidos BCAA são, de fato, três. Leucina, valina e isoleucina compõem esse grupo e são caracterizados como aminoácidos essenciais. Isso significa que, apesar de serem de vital importância para o nosso corpo, não são produzidos pelo organismo e, pro esse motivo, devem ser ingeridos através de alimentação ou suplementos.

Benefícios do BCAA – BCAA: como tomar corretamente

O BCAA é ótimo para os praticantes de musculação. Antes de tudo, essa substância estimula o corpo a queimar gordura para formar energia. Sendo assim, além de gerar mais energia para a prática de exercícios físicos, você ainda queima mais gordura do que o usual.

Além disso, por serem proteínas – constituídas de aminoácidos –, esse suplemento também é muito importante para a formação dos músculos. Isso se dá pelo fato de que, para que novas fibras se formam e as antigas se reconstruam, são necessários altos níveis de aminoácidos, pois é desse material que eles se formam!

BCAA: como tomar corretamente

Apesar de ser comprovadamente eficaz para várias finalidades, é comum encontrarmos pessoas que reclamam do BCAA e dizem que, no seu corpo, o suplemento não teve nenhum efeito, desclassificando-o como faz. Bom, isso pode acontecer devido a, principalmente dois motivos: ou esse indivíduo testou a eficácia com um BCAA de baixa qualidade ou não tomou da maneira correta.

Os principais fatores quando o assunto é o consumo de suplementos são: a quantidade por dia e o horário. Se tomar muito pouco, por exemplo, os efeitos serão tão pequenos que não poderão ser sentidos. Se tomar demais, poderá experimentar efeitos colaterais.

No caso do BCAA, é importante saber qual é o seu tipo físico e quais são os seus objetivos. Especialistas recomendam que a quantidade diária deve ser medida através do peso, e que a dose ideal é de 0,05 até 0,1 grama para cada kg. Uma pessoa de 60 kg, por exemplo, poderia variar a sua dose entre 3 e 6 gramas a cada dose.

Podem ser tomadas duas doses ao dia, uma antes e outra depois dos treinos, a fim de conseguir obter todos os benefícios relacionados a essa substância.

Gostou desse artigo sobre “BCAA: como tomar corretamente”? Deixe nos comentários abaixo a sua experiência com o suplemento e a maneira como você o consome. Acompanhe também o nosso blog para mais informações sobre todo o mundo da musculação. Você pode se interessar também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *