Suplementação alimentar

Alimentos ricos em proteínas

Alimentos ricos em proteínas – Organismos vivos precisam, para se manter saudáveis, de certos elementos presentes na natureza. Em algumas situações, o próprio ser vivo pode produzir certa quantidade desses elementos, enquanto em outras é necessários ingeri-las através da alimentação.

Com os seres humanos não é diferente, e é por esse motivo que necessitamos de manter uma alimentação balanceada e saudável. Os elementos necessários para a nossa sobrevivência são chamados de nutrientes, os quais são compostos por diversos elementos químicos. Os nutrientes podem ser divididos em, basicamente, dois tipos: macronutrientes e micronutrientes.

Sabe-se que alguns nutrientes são mais importantes e, por esse motivo, mais presentes em nosso dia a dia do que outros. As proteínas, por exemplo, são elementos compostos por aminoácidos, e possuem uma importância inestimável para a nossa saúde e para a nossa sobrevivência.

Para garantir a quantidade recomendada de proteínas no organismo, todo ser humano deve consumir alimentos ricos nesse nutriente. Por esse motivo, neste artigo falaremos mais sobre os benefícios desse elemento e quais são os alimentos ricos em proteína.

O que são as proteínas?  – Alimentos ricos em proteínas

As proteínas são macronutrientes de vital importância para o funcionamento do corpo humano. Logo no início da vida, por exemplo, é esse elemento o responsável pela replicação do DNA (formando moléculas de RNA), que permite que a multiplicação de células e a formação de um ser humano.

Elas são constituídas por uma ou mais cadeias de aminoácidos (proteínas com apenas uma cadeia são consideradas simples e proteínas com duas ou mais cadeias de aminoácidos são consideradas complexas).

As proteínas formam um dos grupos de elementos mais importantes para a manutenção da vida na Terra. Uma prova dessa importância é a presença do nutriente em absolutamente todos os seres vivos, participando de praticamente todos os processos celulares.

Além de participar como protagonistas em muitas reações químicas que acontecem em nosso metabolismo, as proteínas (em forma de enzimas) também atuam como catalisadores, aumentando a velocidade dessas reações.

Quais são os benefícios das proteínas? – Alimentos ricos em proteínas

Os benefícios das proteínas no organismo humano são diversos. Além da necessidade que o corpo possui para reações do dia a dia, manter uma alimentação com bons índices proteicos pode trazer diversos outros benefícios adicionais. Abaixo citaremos algumas dessas vantagens:

 

  • Fortalecimento do sistema imunológico: – Benefícios das proteínas

 

A todo o momento estamos expostos a microrganismos, como vírus, bactérias, fungos, dentre outros. Estes, por sua vez, podem trazer uma série de condições e doenças. Para nos proteger contra esse tipo de ameaça, nosso corpo possui um sistema imune, um grupo de órgãos e células responsáveis por identificar e destruir os microrganismos invasores.

A proteína, por sua vez, é de vital importância nesse processo. Isso se deve ao fato de que esse nutriente é responsável pela produção anticorpos, moléculas que são protagonistas no sistema imunológico.

 

  • Saúde da pele e dos cabelos: – Benefícios das proteínas

 

Quem cuida da beleza sabe que o colágeno é um dos principais elementos para manter a saúde da pele e dos cabelos sempre reforçada. O que muitos não sabem, no entanto, é que a proteína é o nutriente responsável por formar o colágeno no corpo humano.

Dessa forma, a partir de uma alimentação balanceada no dia a dia e rica em proteínas, torna-se possível ter até cabelos e pele mais bonita e saudável.

 

  • Equilíbrio do sistema nervoso: – Benefícios das proteínas

 

O sistema nervoso é o responsável por enviar os estímulos para todas as partes do nosso corpo. Por exemplo, quando andamos, o cérebro envia o comando para os músculos da perna, e é o sistema nervoso o responsável por transmitir essa informação.

Vários elementos relacionados a esse sistema são completamente compostos por proteínas, como alguns neurotransmissores. Por esse motivo, uma alimentação rica em proteínas pode ajudar no equilíbrio do sistema nervoso. Um sistema desequilibrado pode causar diversos sintomas, como desequilíbrio, dificuldade em atividades físicas, dores de cabeça, dentre outros.

 

  • Fornecimento de energia: – Benefícios das proteínas

 

Os carboidratos, outro tipo de macronutriente amplamente conhecido, são os principais responsáveis pelo fornecimento de energia no corpo humano. No entanto, na falta de carboidratos, as proteínas também podem servir como fonte de energia para o nosso organismo.

Além disso, caso, por exemplo, o indivíduo saiba que ficará por um tempo até ter outra refeição, é indicado que consuma boa quantidade de proteínas. Isso se deve ao fato de que a proteína tem uma absorção mais lenta pelo organismo, fornecendo energia por mais tempo.

 

  • Benefícios das proteínas para a musculação: – Benefícios das proteínas

 

A musculação é uma atividade física de alta intensidade, que consiste na execução de exercícios repetidos. Praticantes de musculação possuem, geralmente, três objetivos: ganhar massa muscular, perder percentual de gordura no corpo e manter hábitos de vidas mais saudáveis.

Se você já frequentou uma academia, sabe que o Whey Protein é um produto bastante popular. E não é por acaso. Esse suplemento é rico em proteínas de alto valor biológico, e este é nutriente mais importante quando o assunto é a saúde e o crescimento do tecido muscular.

A fim de ganhar massa muscular e perder percentual de gordura no corpo, é de vital importância que o indivíduo tenha uma alimentação rica em proteínas de alto valor biológico.

Alimentos ricos em proteínas 

Como visto nos tópicos anteriores, as proteínas trazer diversos benefícios para o organismo dos seres vistos. Sendo assim, para se manter saudável, é preciso consumir diariamente alimentos ricos em proteínas! Por esse motivo, abaixo citaremos alguns dos alimentos comuns em nosso dia a dia que precisam estar em sua dieta.

  • Carne vermelha – 26,4 g em uma porção de 100 g;
  • Carne de frango – 32,8 g em uma porção de 100 g;
  • Queijo – 26,0 g em uma porção de 100 g;
  • Ovo – 13,0 g em uma porção de 100 g;
  • Leite – 3,3 g em uma porção de 100 g;
  • Iogurte – 4,1 g em uma porção de 100 g;
  • Soja – 12,5 g em uma porção de 100 g;
  • Lentilhas – 9,1 g em uma porção de 100 g;
  • Quinoa – 12,0 g em uma porção de 100 g;
  • Linhaça – 14,1  g em uma porção de 100 g;
  • Sementes de Gergelim – 21,2 g em uma porção de 100 g;
  • Grão de bico – 21,2 g em uma porção de 100 g;
  • Ervilhas – 6,2 g em uma porção de 100 g;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *